Notícias

Drone Lily fracassa e empresa vai à falência

Lily, da Lily Robotics, era um drone financiado coletivamente que parecia ser o primeiro drone especializado em selfies. Foi um conceito inovador que recebeu uma grande atenção da mídia quando anunciado. No entanto, nunca decolou.

A Lily Robotics invadiu a internet com um drone que vendeu US $ 34 milhões em pré-encomendas. Mas a empresa agora admitiu que não consegue entregar o produto, e vai falir em breve. Em uma postagem no blog oficial, os co-fundadores Antoine Balaresque e Henry Bradlow explicaram que eles ficaram sem dinheiro.

Os drones estão, aparentemente, prontos para serem enviados depois de muitos testes, mas os custos de R&D (pesquisa e desenvolvimento) extensivos limparam as contas bancárias da Lily. Isso significava que não havia mais dinheiro para financiar a produção.

Felizmente, o dinheiro restante será usado para reembolsar as pessoas que compraram o drone na pre-order, pelo menos é o que o post do blog afirma.

Mas que fracasso hein? É por isso que devemos ter cuidado quando vemos um projeto de drone “revolucionário” no Kickstarter.

  • Heber

    Uma pena, sempre é bom ter opções.
    Seria interessante ver um artigo sobre o novo drone
    Ehang GHOSTDRONE 2.0.
    Encomendei um desses pra vender na minha loja, estou esperando chegar.
    Parece ser bem avançado, conta com uma câmera 4K.